Equipamentos Magnamed e a diferença entre eles

Equipamentos Magnamed e a diferença entre eles

January 9, 2020

O grande propósito que inspirou a fundação da Magnamed foi o desenvolvimento de ventiladores mecânicos mais modernos, para que seus benefícios pudessem alcançar mais pessoas e salvar mais vidas.

 

Com inovação tecnológica e muita dedicação, a empresa 100% brasileira chegou a uma linha de equipamentos mais acessíveis e que se adequam a todos os perfis de pacientes e de cenários. Os modelos atendem ainda a rigorosos padrões internacionais de qualidade, confiabilidade, desempenho e eficiência.

 

Todos os aparelhos têm telas touchscreen intuitivas, para que os parâmetros ventilatórios sejam ajustados em poucos cliques e os profissionais de saúde possam fazer o acompanhamento de indicadores clínicos de forma facilitada. 

 

Algumas variações entre os modelos disponíveis fazem com que sejam mais adequados a Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) ou a transporte e emergência. Conheça melhor cada um dos equipamentos:

 

Fleximag Plus 

 

É considerado uma inovação para UTIs, pois ventila desde pacientes neonatais de extremo baixo peso até adultos, podendo ser ajustado a cada situação de forma rápida e intuitiva. O equipamento é compacto e oferece diversas vantagens, como histórico de funcionamento das últimas 72 horas, alarmes inteligentes e bateria com mais de três horas de duração. Além disso, possui recursos que facilitam o desmame do paciente como a avaliação da P0.1 e da PiMax.

 

Babymag

 

Também é voltado para o atendimento em UTIs, mas foi projetado exclusivamente para pacientes neonatos de extremo baixo peso e pediátricos. Alguns fatores anatômicos e fisiológicos tornam o processo de ventilação mais sensível nesses pacientes, como o estágio de desenvolvimento pulmonar e a imaturidade dos centros respiratórios. O Babymag foi criado levando todas essas vulnerabilidades em consideração.

 

 

OxyMag

 

Ventilador portátil, para transporte e emergência de pacientes neonatal, pediátrico e adulto. Graças a essa versatilidade, faz com que uma ambulância não precise dispor de mais de um ventilador, já que um único equipamento é capaz de atender a todos os públicos. Ele se diferencia também pelo peso e autonomia: são apenas três quilos, sendo prático de carregar e manusear, e mais de seis horas de carga de bateria, possibilitando suporte respiratório durante longos trajetos. 

 

VentMeter 

 

Além dos ventiladores mecânicos, a Magnamed desenvolveu o VentMeter, um analisador de ventilador pulmonar. Ele analisa a funcionalidade dos ventiladores com o objetivo de garantir a segurança e a eficácia no tratamento de pacientes na UTI. Além de analisar 18 parâmetros simultaneamente, é possível manter o registro de desempenho dos equipamentos.