O que é essencial em um equipamento de ventilação pulmonar?

O que é essencial em um equipamento de ventilação pulmonar?

November 5, 2019

Ventiladores pulmonares mecânicos são equipamentos de suporte à vida. Para que possam cumprir a função tão importante de assistir pacientes com a respiração comprometida, devem reunir recursos que otimizem a ventilação e que garantam os melhores resultados para a evolução clínica desses pacientes.

 

O que não pode faltar em um ventilador pulmonar?

 

Além dos componentes básicos a qualquer ventilador, como misturador de gases, válvulas reguladoras de pressão, umidificador e filtro de bactérias, há acessórios que, nas versões mais modernas, fazem toda a diferença para um adequado suporte respiratório.

 

Sistemas de controle do modo ventilatório, por exemplo, permitem às equipes médicas acompanhar permanentemente as respostas do organismo à ventilação, por meio do monitoramento de indicadores como pressão, volume corrente, frequência respiratória, relação entre tempo inspiratório e tempo expiratório, limite de pressão e sensibilidade.

 

Ao monitorar esses parâmetros, os profissionais de saúde têm em mãos dados que possibilitam identificar ajustes necessários e esse controle é decisivo para a eficácia da ventilação e para o sucesso do tratamento ao qual o paciente está submetido.

 

Sistemas de alarmes também são importantes. Caso haja problemas durante a operação do equipamento, o alarme permite uma tomada de ação rápida e efetiva, prevenindo que o paciente e sua saúde sejam afetados por uma falha operacional ou mesmo humana.

 

 

Versões modernas: versatilidade e fácil operação

 

É importante ainda que os ventiladores mecânicos sejam adequados à demanda que irão suportar. As necessidades podem variar bastante a depender do ambiente em que serão instalados e ao perfil de paciente que será amparado.

 

Por isso, aparelhos versáteis, compatíveis com diferentes perfis de pacientes  e que ofereçam diversos modos ventilatórios, acabam sendo vantajosos em relação aos equipamentos em que essas opções são mais restritas.

 

A presença de painéis inteligentes e autoexplicativos é outro diferencial. Muitas vezes, as equipes médicas precisam intervir rapidamente para ajustar a ventilação e recuperar a estabilidade clínica do paciente. O equipamento deve ser um facilitador, apresentando informações claras, que direcionem uma tomada de decisão rápida e assertiva.

 

Tecnologia a favor da saúde

 

A ventilação mecânica é um recurso trazido pela tecnologia para aumentar a qualidade de vida de pacientes com insuficiência respiratória e, em muitos casos, para salvar vidas. Há versões cada vez mais avançadas desses equipamentos, que otimizam a ventilação e seus resultados, tendo uma influência decisiva nos tratamentos a que os pacientes são submetidos. Quanto maior a segurança oferecida por um ventilador e quanto mais fácil o seu manuseio e aplicação, mais os pacientes saem ganhando para que recuperem um quadro de saúde estável e para que os objetivos médicos sejam alcançados.